Pular para o conteúdo principal

Caminhos da Reportagem aborda maternidade atrás das grades

Foto: Divulgação/TV Brasil

Caminhos da Reportagem que a TV Brasil exibe neste domingo (26), às 22h, revela como é a realidade brasileira de mulheres que têm filhos pequenos e estão presas. Ao longo da edição inédita, a atração jornalística conversa com quatro detentas e mostra tristes semelhanças entre elas.

Ana* tem sete filhos e Joana*, seis, mas está grávida do sétimo. Cumprindo pena na Penitenciária Feminina do Distrito Federal, as duas entraram para o tráfico de drogas por causa de companheiros. “Me envolvi com um rapaz com meus 12 anos, casei muito cedo e através dele eu conheci o tráfico”, conta Ana. Já Joana foi monitorada pela polícia: “eu acabei nas ligações de telefone, depósito de dinheiro, aí a polícia quebrou o sigilo com escuta telefônica e acabou que eu entrei em formação de quadrilha e tráfico de drogas”.

Das 27 mil mulheres presas no país, segundo dados do Sistema de Informação do Departamento Penitenciário Nacional (SISDEPEN), do Ministério da Justiça, 47,72% delas foram por tráfico de drogas. “Quando se olha em quais situações elas estavam, geralmente não estavam em posição de chefia ou comando no tráfico”, afirma Natália Oliveira, coordenadora executiva da Iniciativa Negra por uma Nova Política sobre Drogas.

Acompanhando essa realidade de perto, a psicóloga da Penitenciária Feminina do Distrito Federal, Aline Xavier, confirma que a maioria das presas é formada por mulheres em situação de vulnerabilidade social. “A grande maioria é preta ou parda. No DF, a gente tem cerca de 80% da população carcerária feminina composta por pessoas negras, presas por tráfico e a maioria é mãe”, afirma.

Com o Marco Legal da Primeira Infância, de 2016, mães de crianças com até 12 anos têm a possibilidade de solicitar prisão domiciliar. Mas os dados mostram que isso não tem sido cumprido. Segundo análise do Instituto Terra, Trabalho e Cidadania (ITTC), com dados do SISDEPEN, 83,64% das presas que poderiam ter o benefício tiveram o direito negado pela justiça.

Ana e Joana se enquadram nesse caso, mas tiveram o direito negado. Os sete filhos de Ana estão sendo cuidados pela mãe dela, que está doente. “Eu aqui estou pagando, ela presa lá, eu presa aqui”, afirma a avó das crianças. Ela sobrevive apenas com o dinheiro do Bolsa Família, que não é suficiente para a comida toda do mês: “tem dia que olho para a geladeira e não tem nada”, conta.

A justiça negou a prisão domiciliar para Ana alegando que a filha mais velha dela, de 18 anos, poderia cuidar dos irmãos. Mas a avó da jovem explica que ela está na faculdade, conseguiu um emprego e tem ajudado no sustento da casa. “Nem a avó de 60 anos consegue cuidar das crianças e de um adolescente, imagina ela, que nunca foi mãe, nunca passou por isso” - questiona a avó.

A explicação para a violação dos direitos de crianças filhas de presidiárias, segundo a pesquisadora do ITTC Juliana Arcanjo, é evidente: o julgamento social. “Quando essa mulher foge do estereótipo do que se espera que seja uma mãe nos termos no senso comum, essa mulher é duplamente julgada. Ela é mais julgada ainda porque ela não só feriu uma lei, ela também feriu uma norma social gravíssima, que é o que é ser mãe”, afirma.

O programa ainda aborda outras questões, como os preconceitos sociais também invadem os tribunais de justiça nos julgamentos dos casos e as limitações do uso de tornozeleira por mães que precisam acompanhar seus filhos.

*Nomes fictícios


Ficha técnica

Reportagem: Ana Graziela Aguiar

Produção: Cleiton Freitas

Apoio produção: Thiago Padovan (SP)

Reportagem cinematográfica: André Rodrigo e Sigmar Gonçalves

Apoio imagens: Gilmar Vaz (SP) e Cadu Pinotti (SP)

Auxiliar técnico: Alexandre Souza e Rafael Calado

Apoio auxílio: Raimundo Nunes e Jone Geraldo (SP)

Edição de texto: Carina Dourado

Edição de imagens: Rivaldo Alves e Márcio Stuckert

Arte: Caroline Ramos e Alex Sakata


Sobre o programa

Produção jornalística semanal da TV Brasil, o Caminhos da Reportagem leva o telespectador para uma viagem pelo país e pelo mundo atrás de grandes histórias, com uma visão diferente, instigante e complexa de cada um dos assuntos escolhidos.

No ar há mais de uma década, o Caminhos da Reportagem é uma das atrações jornalísticas mais premiadas não só do canal, como também da televisão brasileira. Para contar grandes histórias, os profissionais investigam assuntos variados e revelam os aspectos mais relevantes de cada pauta.

Saúde, economia, comportamento, educação, meio ambiente, segurança, prestação de serviços, cultura e outros tantos temas são abordados de maneira única, levando conteúdo de interesse para a sociedade pela telinha da emissora pública.

Questões atuais e polêmicas são tratadas com profundidade e seriedade pela equipe de profissionais do canal. O trabalho minucioso e bem executado é reconhecido com diversas premiações relevantes no meio jornalístico.

Exibido aos domingos, às 22h, o Caminhos da Reportagem disponibiliza as matérias especiais no site http://tvbrasil.ebc.com.br/caminhosdareportagem e no YouTube da emissora pública em https://www.youtube.com/tvbrasil. As edições anteriores também estão no aplicativo TV Brasil Play, disponível nas versões Android e iOS, e no site https://tvbrasilplay.com.br/.

Comentários

Mais lidas nos últimos dias

Confira a programação da Record entre os dias 19 a 25 de fevereiro

Foto: Reprodução/Internet 19.02.2024 SEGUNDA-FEIRA 05H00 BALANÇO GERAL MANHÃ * 07H00 BOLETIM JORNAL DA RECORD 07H05 BALANÇO GERAL MANHÃ * 07H30 BALANÇO GERAL MANHÃ SP * 08H40 FALA BRASIL 10H00 HOJE EM DIA 11H50 BALANÇO GERAL SP * 15H30 A TERRA PROMETIDA 16H30 CIDADE ALERTA 17H10 BOLETIM JORNAL DA RECORD 17H15 CIDADE ALERTA 17H40 BOLETIM JORNAL DA RECORD 17H45 CIDADE ALERTA * 19H55 JORNAL DA RECORD 21H00 JEZABEL 21H45 GÊNESIS - ESTREIA 23H00 DOC INVESTIGAÇÃO 00H00 CHICAGO FIRE - HERÓIS CONTRA O FOGO 00H35 BOLETIM JORNAL DA RECORD 00H45 PROGRAMAÇÃO IURD 20.02.2024 TERÇA-FEIRA 05H00 BALANÇO GERAL MANHÃ * 07H00 BOLETIM JORNAL DA RECORD 07H05 BALANÇO GERAL MANHÃ * 07H30 BALANÇO GERAL MANHÃ SP * 08H40 FALA BRASIL 10H00 HOJE EM DIA 11H50 BALANÇO GERAL SP * 15H30 A TERRA PROMETIDA 16H30 CIDADE ALERTA 17H10 BOLETIM JORNAL DA RECORD 17H15 CIDADE ALERTA 17H40 BOLETIM JORNAL DA RECORD 17H45 CIDADE ALERTA * 19H55 JORNAL DA RECORD 21H00 JEZABEL 21H45 GÊNESIS 22H45 CINE RECORD ESPECIAL 00

Confira as entrevistas da semana de 19/02/24 a 23/02/24 no The Noite com Danilo Gentili

(Foto: Rogério Pallatta/SBT) Segunda-feira, 19/02, 00h30 – Maíra Cardi e Thiago Nigro Iniciando a semana, Danilo Gentili conversa com a influenciadora e coach de emagrecimento Maíra Cardi e o "Primo Rico" e especialista em finanças Thiago Nigro. Os dois falam sobre o relacionamento, planos de casamento, fé e outras curiosidades. (Foto: Rogerio Pallatta/SBT) Terça-feira, 20/02, 00h45 – Mônica e Magali As convidadas do The Noite desta terça-feira inspiraram o genial Mauricio de Sousa a criar duas das personagens mais populares do bairro do Limoeiro. Mônica e Magali, que falam sobre o legado cultural que atravessa gerações e os 60 anos de Mônica, recebendo inclusive um bolo para celebrar a data durante a entrevista. Com 12 milhões de revistinhas vendidas por ano, a protagonista fala do sucesso e explica que sua personagem foi criada a pedido dos leitores. Ela faz ainda uma revelação curiosa e revela que o coelho não é seu animal preferido, mas sim o porco

História de tocar o coração no “Programa Eliana”: Uma menina de 11 anos, que viralizou nas redes sociais, encanta a todos com seu carisma e talento musical em uma apresentação com sucessos de Gloria Groove

(Foto: Rogério Pallatta/SBT) Mary é uma garotinha de 11 anos com um vozeirão que atingiu mais de 250 milhões de visualizações nas redes sociais. Na semana do dia das crianças, ela participou do “Famosinhos da Internet” e foi a vencedora do quadro. Sua vida começou a mudar com a realização de alguns sonhos, mas a pequena ainda quer ir mais longe! Eliana a convidou para participar do quadro “Dia de Sorte” e  Mary vai encarar o desafio da DJ Maluca. Ela precisa identificar pelo menos quatro músicas tocadas de trás para frente para vencer. Neste desafio, grandes nomes da música marcam presença na atração como Kekel, Kell Smith, Mari Fagundes, Pedrinha Moraes e Day & Lara. Na segunda prova e com uma grande produção, Mary interpreta e canta sucessos de Gloria Groove e é avaliada por Thomas Roth, diretor musical de teledramaturgia do SBT; pelo dançarino Jaime Arôxa e uma nota conjunta de todas as atrações artísticas da DJ Maluca. A participante vai concorrer a prêmios muito es

Na RedeTV!, ‘Mega Senha Power’ nocauteia audiência da Band

Apresentado por Marcelo de Carvalho na RedeTV!, o ‘Mega Senha Power’ bateu recorde de audiência neste último sábado (17), se consolidando entre os destaques do canal e mantendo-se à frente da Band. No ar entre 23h10 e 00h30, o game show registrou 1,5 ponto de média, 3,4% de share e 2,6 pontos de pico, segundos os dados consolidados da Kantar Ibope para a Grande São Paulo. O índice foi 36% maior do que a audiência da Band (1,1), que transmitia MMA na faixa horária. Nesta última edição, o apresentador Marcelo de Carvalho contou com a participação de Rafael Ilha e Kally Fonseca no game show, no qual os convidados precisam de agilidade para ajudar os participantes na busca pelo prêmio em dinheiro, que pode chegar a um milhão de reais. O 'Mega Senha Power’ é exibido aos sábados, às 23h10, na RedeTV!.

No Domingo Espetacular, Roberto Cabrini entrevista empresário acusado de assassinar um membro do PCC

Foto: Divulgação RECORD Neste fim de semana (18/02), o Domingo Espetacular traz uma entrevista exclusiva de Roberto Cabrini com o empresário acusado de dar um golpe milionário na organização criminosa mais perigosa do país, o PCC (Primeiro Comando da Capital). Em um apartamento de mais de R$ 10 milhões, Roberto Cabrini encontra Antônio Vinicius Gritzbach, personagem central de uma trama de mortes e denúncias de lavagem de dinheiro. Com uma tornozeleira eletrônica e protegido em sua fortaleza de luxo, Gritzbach quebra o silêncio e diz ter escapado da morte duas vezes. O empresário é acusado de pagar R$ 300 mil reais para mandar matar Anselmo Becheli Santa Fausta, de 38 anos, apontado como um homem poderoso no PCC, e seu motorista, Antônio Corona Neto, 33.  Ambos foram assassinados em dezembro de 2021, num bairro da zona leste de São Paulo. A reportagem, na íntegra, será exibida no Câmera Record. Nesta semana, Simony desmaiou depois de ser barrada com os filhos, em um voo nos